Notícias e Publicações

Notícias

09/05/2018

A importância da contribuição complementar (2c)

Contribuição pode turbinar valor do benefício e possibilita planejar melhor sua aposentadoria.

Esta é a segunda matéria com informações sobre temas que influenciam no valor do benefício do participante do Previ Futuro. Você vai conhecer a importância e as vantagens de fazer contribuições complementares (2c).


Leia as informações e responda ao desafio sobre o conteúdo divulgado. Você concorre a brindes e fica sabendo como ter um benefício ainda melhor no futuro. Participe!
 

Valor do Benefício

 

O que é a contribuição Complementar (2c)?

 

Essa é uma contribuição que pode ser mensal ou esporádica. O participante escolhe o percentual – mínimo de 2% do salário de participação para contribuição mensal e de 20% para a esporádica. Essa contribuição é exclusiva do participante sem a contrapartida do BB, totalmente voluntária e pode ser feita a qualquer momento. É uma ferramenta importante para o crescimento da sua poupança previdenciária, pois ajuda a incrementar o saldo de conta. Além disso, também pode servir para complementar o total de contribuições do ano, de forma a alcançar o teto de benefício fiscal de 12%, a ser deduzido do Imposto de Renda.

É importante destacar que as contribuições complementares são isentas de taxa de carregamento. Assim, todo o valor pago vai direto para o saldo de conta.

Vantagens da contribuição Complementar (2c)

1 – Isenção da taxa de carregamento, que é cobrada sobre as contribuições para cobrir os gastos da Previ com a gestão previdencial do Plano.
2 - Dedução da base de cálculo do Imposto de Renda até o limite de 12% da renda bruta anual.
3 – Incremento do saldo de conta que possibilita o aumento do valor do benefício a ser recebido.
4 – Possibilidade de contribuir já a partir do recebimento do primeiro salário no Banco.
5 -  Flexibilidade, pois as contribuições podem ser baixas e diluídas no tempo (mensais) ou mais robustas, como as esporádicas, aproveitando oportunidades como PLR e 13º salário.
6 – Planejamento mais eficaz da aposentadoria para obter um benefício melhor com um tempo de contribuição igual ou até menor.

Qual o impacto da 2c no seu saldo de conta?

O impacto desse tipo de contribuição pode ser considerável.  Quanto mais cedo começar a contribuir, e maior forem os aportes, melhor. Afinal, o benefício de aposentadoria no Previ Futuro depende do saldo acumulado pelo participante. E esse saldo é construído por três fatores: tempo, rentabilidade e contribuição. Quanto mais você contribui, mais você acumula. E quanto mais tempo esses recursos permanecem no Plano, maior é o efeito acumulado da rentabilidade sobre eles.

Como a rentabilidade depende de outras variáveis, de acordo com o retorno de longo prazo do perfil de investimento escolhido, o participante pode usar os outros dois fatores (tempo e contribuição) em sua estratégia previdenciária. E, quanto maior for sua contribuição, mais poder ele ganha para dispor do fator tempo. Seja permanecendo o tempo previsto na ativa para receber um benefício maior, seja mantendo o benefício no mesmo nível esperado e se aposentando mais cedo.

Simulação mostra diferença

Para ter uma ideia de como a contribuição Complementar (2c) pode fazer diferença na aposentadoria, vamos imaginar uma participante que tenha ingressado no BB e na Previ aos 29 anos de idade e pretenda se aposentar após 30 anos de contribuição, ao completar 59 anos de idade. Se considerarmos que após 4 anos de Banco ela ocupe o cargo de assistente e opte por não fazer contribuição Complementar (2c) durante sua carreira, a projeção de seu benefício com Reversão em Pensão, no momento de sua aposentadoria, será de R$ 2.532,00.

Caso essa participante mantenha as mesmas condições e decida fazer um aporte mensal para a contribuição complementar (2c) de 4% durante sua vida laboral, trabalhando durante os mesmos 30 anos, e se aposentando também aos 59 anos, a nova projeção desse benefício vitalício será de R$ 3.181,79, com um aumento de aproximadamente 26%.

Essa diferença também se reflete no Saldo de Conta, tendo em vista que o benefício é gerado a partir desse valor.

 

Previ-Infografico-3.png

 

Faça também suas simulações

No Simulador de Renda disponível no Autoatendimento do site Previ, você pode verificar como a contribuição Complementar (2c) interfere no seu benefício.  Após preencher a idade de aposentadoria e a expectativa de rentabilidade, o simulador irá projetar o benefício considerando as contribuições atuais.

A partir daí você poderá alterar o valor das contribuições clicando na aba simulação 3 Contribuição Desejada. Lá você poderá simular outros cenários de contribuição, e verificar o incremento que a contribuição Complementar (2c) pode representar no seu benefício.

simulador-2c.png

 

Como fazer a contribuição 2c

No Autoatendimento do site Previ, na opção Contribuições, é possível consultar todas as contribuições e verificar valor e percentual de cada uma delas. Para efetuar a contribuição Complementar (2c):

  • acesse a opção Contribuições > Contribuições Complementar (2c);
  • para a contribuição mensal, defina o percentual (mínimo de 2% do Salário de Participação), autorize e confirme o débito em conta corrente;
  • em caso de contribuição esporádica, defina a data e o valor para débito (mínimo de 20% do Salário de Participação), autorize e confirme para concluir a operação.

 

Responda ao desafio e concorra a brindes

Para concorrer aos brindes, é preciso responder a todas as enquetes divulgadas semanalmente em cada matéria. A pergunta dessa semana é sobre a contribuição Complementar (2c). Clique no desafio abaixo, informe a matrícula e a senha do Autoatendimento e participe.


enquete-02.png

 

Notícias relacionadas