Notícias e Publicações

Notícias

30/09/2019

O Ciclo de vida chegou!

Previ lança os novos perfis de investimento do Previ Futuro: Ciclo de Vida 2030, 2040 e 2050.

Cada etapa de nossas vidas é formada por ciclos: infância, juventude, vida adulta e velhice. Em cada um desses momentos, vivemos de acordo com projetos, sonhos e demandas que direcionam a nossa vida. Por isso, o melhor a fazer é planejar hoje para ter o futuro que se deseja amanhã. 

Ao longo da vida, poupamos, assumimos riscos, construímos patrimônio, adquirimos seguro de vida e planos de previdência e, com o passar do tempo, assumimos uma atitude mais conservadora para preservar o que conquistamos. Por isso, a lógica do Ciclo de Vida é reduzir a exposição aos investimentos de risco gradualmente, afinal, quanto mais próximo de se aposentar, maior a necessidade de proteção e estabilização do patrimônio acumulado, diferentemente do início da vida laboral, quando se pode arriscar mais na hora de investir. 

Com essa ideia em mente, a Previ desenvolveu os Ciclos de Vida 2030, 2040 e 2050, três novas opções de perfis de investimento para o Previ Futuro lançadas hoje, 30/9. Cada um desses perfis tem como base um período previsto para a aposentadoria do participante: no Ciclo de Vida 2030, a previsão vai de 2026 a 2035; no Ciclo 2040, o período é de 2036 a 2045; e no Ciclo 2050, de 2046 em diante. 

Carência para mudança suspensa até dezembro

Até 19/12 o prazo de carência para mudança de Perfis de Investimento do Previ Futuro será suspenso para que os participantes conheçam melhor as opções disponíveis e façam a sua escolha. O último perfil escolhido até o final desse prazo é o que será considerado. Após esse período inicial de adaptação, a carência de 12 meses voltará a valer para quem fizer uma nova alteração de perfil. A migração para o Ciclo de Vida demanda a assinatura de um novo termo de autorização, mesmo que já tenha sido assinado anteriormente, além do preenchimento de uma nova Avaliação do Perfil do Investidor (API), que agora terá validade de 36 meses. A assinatura é eletrônica e deve ser realizada pelo site da Previ. 

A adesão a um dos perfis do Ciclo de Vida não é obrigatória nem permanente. O participante pode mudar quantas vezes quiser, respeitada a carência, entre os sete perfis de investimento disponíveis.

O que são os Perfis de Investimento

Criado em 2009, o Programa Perfis de Investimentos completou dez anos e constitui uma importante ferramenta para dar mais opções de estratégias previdenciárias aos associados do Previ Futuro. Com os perfis, o participante pode participar da gestão de suas reservar e buscar a melhor relação entre risco e retorno dos investimentos, de acordo com seus objetivos. 

Os Perfis de Investimentos passam a ser diferenciados tanto pela diferença na exposição a ativos mais arriscados (Conservador, Moderado, Arrojado e Agressivo) quanto pela data alvo do participante para a solicitação de benefício programado. 

As alocações seguem a Política de Investimentos vigente:

Perfil de Investimento Alocação
Conservador 0% de Renda Variável
Moderado de 0% a 20% de Renda Variável
Arrojado de 20% a 40% de Renda Variável 
Agressivo de 40% a 60% de Renda Variável
Ciclo de Vida 2030  alocação variável de 10% a 30% de Renda Variável*
Ciclo de Vida 2040 alocação variável de 25% a 45% de Renda Variável*
Ciclo de Vida 2050 alocação variável de 40% a 60% de Renda Variável*

* em 2019


Escolha consciente

Para escolher seu Perfil de Investimento, avalie seu saldo, seu momento de carreira, seu perfil de investidor e seus objetivos previdenciários. Acesse o Meu benefício, o seu simulador no App Previ, e faça simulações para projetar o futuro que você deseja e qual a melhor trajetória a seguir. Confira também a trilha de Educação Previdenciária, disponível no Portal UniBB, que é mais uma ferramenta importante para aprendizado e auxílio nessa tomada de decisão.