PREVI

PREVI Futuro

Benefícios

beneficios-previfuturo-f.jpg

Veja no Painel Informativo > Benefícios os valores dos benefícios pagos anualmente pela PREVI, bem como os benefícios médios dos participantes nos últimos anos. Para visualizar, use preferencialmente o navegador Google Chrome.

Os benefícios assegurados pelo Plano PREVI Futuro são de dois tipos:

Benefícios de Risco:


Benefícios Programados:


Saiba mais sobre os Benefícios:

Benefícios de Risco - Parte I 

O Plano PREVI Futuro assegura aos seus participantes o direito ao complemento de Aposentadoria por Invalidez e o complemento de Pensão por Morte aos seus beneficiários, independente do tempo de filiação.

1. Complemento de aposentadoria por invalidez 

O participante que se aposenta por invalidez pela Previdência Oficial tem direito ao complemento de aposentadoria por invalidez da PREVI.

Concessão - Após o recebimento do comunicado do INSS a concessão é automática e terá data de implantação idêntica ao do benefício do INSS.

Cálculo - O complemento de aposentadoria por invalidez é calculado pela diferença entre o Salário Real de Benefício e a Parcela PREVI Valorizada.

O valor inicial não pode ser inferior a 20% do Salário Real de Benefício e nem a 20% da Parcela PREVI.

Saldo da Reserva Pessoal (Parte II) - O participante fará jus, ainda, à devolução do saldo existente na reserva pessoal de poupança da Parte II (benefícios programados), pago em parcela única, descontado o Imposto de Renda.

2. Complemento de Pensão por Morte 

É concedida aos beneficiários habilitados pela PREVI em decorrência do falecimento do participante que estava na ativa ou recebendo o complemento de aposentadoria por invalidez.

Concessão - As informações sobre os beneficiários que poderão se habilitar, os prazos e os procedimentos para o requerimento, inclusive a documentação necessária, estão dispostas na Cartilha do Pensionista.

Cálculo - Este benefício mensal é uma proporção do complemento de aposentadoria por invalidez que o participante recebia, ou daquele que receberia caso estivesse aposentado por invalidez na data do falecimento. O benefício será rateado em partes iguais entre os beneficiários.

Apura-se 50% do valor do complemento de aposentadoria (cota familiar), acrescentando a parcela adicional de 10% (cota individual), correspondente a cada beneficiário habilitado. O complemento de pensão por morte é limitado a 100% do complemento de aposentadoria.

  • 60%, se um beneficiário
  • 70%, se dois beneficiários
  • 80%, se três beneficiários
  • 90%, se quatro beneficiários
  • 100%, se cinco ou mais beneficiários

Saldo da Reserva Pessoal (Parte II) - Os beneficiários do participante falecido farão jus, ainda, à devolução do saldo existente na reserva pessoal de poupança da Parte II (benefícios programados), pago em parcela única, em partes iguais, descontado o Imposto de Renda.

Benefícios programados - Parte II

1. Renda Mensal de Aposentadoria 

É a mensalidade vitalícia que o participante receberá quando atender, cumulativamente, as seguintes condições:

  • cumprir a carência de 180 contribuições mensais
  • estar aposentado pela Previdência Oficial, por tempo de contribuição ou por idade
  • rescindir o vínculo empregatício com o patrocinador

Base de Cálculo - O valor depende do montante acumulado nas reservas pessoal e patronal, decorrente do tempo de vinculação, do valor das contribuições e da rentabilidade auferida na gestão dos recursos do Plano.

Proteção aos dependentes - reversão para a Renda Mensal de Pensão por Morte - Na ocorrência de falecimento do participante, a renda mensal de aposentadoria é revertida em renda mensal de pensão por morte, destinada aos beneficiários habilitados pela PREVI.

Opção por não deixar pensão - O participante pode optar por não deixar pensão no momento de requerer a aposentadoria. Nesse caso, existem duas alternativas:

  • Renda mensal vitalícia sem reversão. O participante opta por não deixar pensão por morte, isto é, não haverá beneficiários.
  • Renda mensal vitalícia sem reversão com tempo mínimo de recebimento garantido de 5, 10 ou 15 anos. Se o participante falecer durante o tempo mínimo escolhido, contados a partir da data do início do benefício, a renda mensal de aposentadoria será paga às pessoas físicas por ele indicadas, pelo prazo restante do período, em partes iguais. Caso sobreviva ao tempo mínimo, continuará recebendo a renda mensal até o seu falecimento.
     

2. Renda Mensal Antecipada de Aposentadoria

É uma mensalidade vitalícia paga ao participante que atenda às seguintes condições:

  • cumprir a carência de 180 contribuições mensais;
  • ter 50 anos de idade;
  • rescindir o vínculo empregatício com a patrocinadora e que no mesmo ato requeira o benefício.

Base de Cálculo - A renda mensal antecipada de aposentadoria será apurada nos mesmos moldes da base de cálculo da renda mensal de aposentadoria. Os critérios para a reversão, ou não, em renda mensal de pensão por morte e os tipos de renda são idênticos aos aplicados para a renda mensal de aposentadoria.

3. Renda Mensal Vitalícia 

É concedida ao participante que rompe o vínculo empregatício com a patrocinadora e opta pelo Benefício Proporcional Diferido.

Condições para requerer:

  • Ter cumprido a carência de 60 contribuições mensais;
  • Estar aposentado pela Previdência Oficial

Base de Cálculo - A renda mensal vitalícia será apurada nos mesmos moldes da base de cálculo da renda mensal de aposentadoria. Os critérios para a reversão, ou não, em renda mensal de pensão por morte e os tipos de renda  são idênticos aos aplicados para a renda mensal de aposentadoria.

4. Renda Mensal de Pensão por Morte

É concedida aos beneficiários habilitados pela PREVI, em decorrência do falecimento do participante que recebia a renda mensal de aposentadoria, a renda mensal antecipada de aposentadoria ou renda mensal vitalícia, exceto aqueles que tenham optado pela renda vitalícia sem reversão para pensão ou renda vitalícia com tempo mínimo de recebimento garantido de 5, 10 ou 15 anos.

Concessão - Se for requerida no prazo de até noventa dias após o falecimento do participante, a renda mensal de pensão por morte será concedida com data retroativa a do óbito. Decorridos os noventa dias, será considerada a data do requerimento.

Cálculo - Este benefício mensal é uma proporção da renda que o participante recebia. O benefício será rateado em partes iguais entre os beneficiários.Apuram-se 50% do valor da renda mensal (cota familiar), acrescentando a parcela adicional de 10% (cota individual), correspondente a cada beneficiário habilitado. A renda mensal de pensão por morte é limitada a 100% da renda mensal.

  • 60%, se um beneficiário
  • 70%, se dois beneficiários
  • 80%, se três beneficiários
  • 90%, se quatro beneficiários
  • 100%, se cinco ou mais beneficiários