Resultado em Outubro

PLANO 1

O resultado do Plano, acumulado até 30/11, apresentou excelente rentabilidade dos investimentos. Assim, foi coberto o déficit de 2,9 bi que teria que ser equacionado. Veja mais informações na matéria publicada sobre o tema em 16/12/2016.


O desempenho acumulado no ano (15,86%), é superior à meta atuarial (11,30%). Esse resultado só não está mais expressivo porque novembro foi um mês bastante difícil, que apresentou um desempenho negativo de 1,18%, influenciado principalmente pela baixa performance da Bolsa de Valores, que fez com que os investimentos de Renda Variável recuassem -2,63% em novembro.


Como temos destacado, o Plano detém participações acionárias em bloco de controle, como é o caso de Vale, Neoenergia e Invepar. Como tais empresas são avaliadas ao final de cada exercício, apenas no fechamento do ano saberemos o impacto dessas participações no resultado Plano.

PREVI FUTURO

A rentabilidade alcançada em novembro foi negativa em 1,44%, mas a rentabilidade acumulada no ano (22,22%) é o dobro da meta atuarial (11,30%), o que nos permite dizer que 2016 está sendo um ano bastante positivo para o Plano. Para aproveitar esse bom momento, destacamos que os participantes do PREVI Futuro devem ficar atentos ao Perfil de Investimento adotado, uma vez que o perfil afeta diretamente a rentabilidade dos recursos de cada participante.

Rentabilidade Acumulada dos Perfis de Investimento (%)

Perfil 2015 Até novembro/2015 Até novembro/2016 
PREVI 1,31 2,25 22,94
Conservador 9,32 8,60 17,36
Moderado 5,04 5,24 20,33
Agressivo -0,42 0,96 25,19

PLANO 1 - 3º Trimestre/2016

Resultado acumulado no ano continua acima da meta

No terceiro trimestre, a rentabilidade acumulada dos investimentos fechou em 13,67% e segue firme superando a meta atuarial acumulada em 10,13%. Os destaques continuam sendo os segmentos de renda variável e renda fixa, que respondem por cerca de 90% dos recursos do Plano e também pelos melhores desempenhos acumulados. Entretanto, como temos salientado sempre, o Plano detém participações acionárias em bloco de controle, como é o caso de Vale, Neoenergia e Invepar, avaliadas ao final de cada exercício e com forte impacto, positivo ou negativo, no resultado.

Presidente da PREVI, Gueitiro Genso, resume a performance do plano no 3º trimestre/2016.



Ativos do Plano continuam a render dividendos

Ainda com relação ao segmento de renda variável, há que se destacar o contínuo recebimento de dividendos, o que vem a comprovar a saúde dos ativos. Os dividendos recebidos no ano somam cerca de R$ 890 milhões. Só em setembro foram recebidos quase R$ 30 milhões em dividendos, com destaque para o Banco do Brasil, que pagou quase R$ 24 milhões.

Reserva Matemática evolui com a variação do INPC

Do lado do passivo as reservas (compromissos) têm apresentado crescimento constante, muito próximo da variação do INPC. Veja a evolução das Reservas Matemáticas no ano:

Reservas Matemáticas

PREVI FUTURO - 3º Trimestre/2016

Os dois principais segmentos de investimentos têm excelente rentabilidade

No final do terceiro trimestre, o segmento de renda fixa representava 53,38% dos recursos do PREVI Futuro. Já o de renda variável, 28,80% do total de recursos. A boa notícia é que justamente esses dois segmentos é que apresentaram as maiores rentabilidades: 15,64% para renda fixa e 32,49% para renda variável. Ambas as performances superaram a meta atuarial, que ficou em 10,13%. No todo, a rentabilidade do Plano foi de 19,27%. O Plano tem ativos totais de cerca de R$ 8,9 bilhões.

Presidente da PREVI, Gueitiro Genso, resume a performance do plano no 3º trimestre/2016.



Gestão ativa dos recursos

Observada política de investimentos, a PREVI realiza uma gestão ativa dos recursos do Plano. Até o fechamento do 3º trimestre, foram feitas operações que representaram R$ 639 milhões em compras e subscrições de ativos. O total de vendas no ano totalizavam R$ 439 milhões. Os recursos do Plano já proporcionaram o recebimento de R$ 43,3 milhões em dividendos no ano.

Rentabilidade dos Perfis de Investimento (%)

Perfil 2015 3º Tri/2015 3º Tri/2016 
PREVI 1,31 1,04 19,67
Conservador 9,32 6,21 15,73
Moderado 5,04 3,51 17,84
Agressivo -0,42 0,07 21,48

Veja também

Icones