Veja nas abas Plano 1 e PREVI Futuro o Resultado de 2016.

Resultado em Outubro

PLANO 1

O Plano 1 acumulou até abril de 2017 uma rentabilidade de 3,84% em seus investimentos. O desempenho foi superior à meta atuarial acumulada para o mesmo período, de 2,72%. O Plano apresentou superávit de R$ 804 milhões no ano e ativo líquido de R$ 132,6 bilhões.

PREVI FUTURO

A rentabilidade acumulada do Plano PREVI Futuro, de 5,36%, segue bem acima da meta atuarial verificada até abril/2017, de 2,72%. O Plano apresentava em abril R$ 10,07 bilhões em ativos líquidos.

Rentabilidade Acumulada dos Perfis de Investimento (%)

Perfil 2016 Até Abr/2016 Até Abr/2017 
Conservador 18,52 9,17 4,22
Moderado 20,92 10,76 4,94
Arrojado 22,86 12,08 5,56
Agressivo 24,96 13,55 5,79

PLANO 1 - Resultado de 2016

Plano 1 tem superávit no exercício de 2016

O patrimônio do maior e mais antigo plano de benefícios da PREVI terminou o ano em R$ 160,6 bilhões. O superávit do Plano 1 em 2016 foi R$ 2,19 bilhões. No fechamento do exercício, 49,08% dos ativos do Plano estavam alocados em renda variável, 40,33% em renda fixa e 10,59% em outros segmentos, como imóveis e operações com os participantes. Os ativos de renda variável que se destacaram foram Petrobrás PN (121,97%), Brasil ON (98,99%) e CPFL Energia ON (75,23%).

Presidente da PREVI, Gueitiro Genso, resume a performance do plano em 2016.



Resultado evita contribuição extraordinária

Os resultados alcançados foram suficientes para cobrir o déficit de R$ 2,9 bilhões que precisaria ser equacionado por meio de contribuições extraordinárias, conforme divulgado em matéria publicada sobre o tema em 16/12/2016.

 

 

PREVI FUTURO - Resultado de 2016

Os dois principais segmentos de investimentos tiveram excelente rentabilidade

O PREVI Futuro, plano mais jovem da PREVI e destinado aos funcionários que tomaram posse no Banco do Brasil a partir de 1998, fechou o ano com R$ 9,46 bilhões em ativos. Os principais segmentos de investimento do plano apresentaram rentabilidades superiores ao índice de referência em 2016. Ao final do exercício, 54,95% dos ativos do PREVI Futuro estavam alocados em renda fixa, 28,01% em renda variável e 17,04% em outros segmentos. Um dos destaques no segmento de renda fixa foi a carteira de Títulos Públicos para Negociação com rentabilidade de 24,63%.

Presidente da PREVI, Gueitiro Genso, resume a performance do plano em 2016.



Rentabilidade dos Perfis de Investimento (%)

Perfil 2015 4º Tri/2015 4º Tri/2016 
PREVI 1,31 1,31 22,86
Conservador 9,32 9,32 18,52
Moderado 5,04 5,04 20,92
Agressivo -0,42 -0,42 24,96

Veja também

Icones