Sala do Participante

Artes

15/06/2018

Maria da Conceição Lucena

A aposentada nasceu em Taquaritinga do Norte (PE) e entrou para o BB em 1980. Maria possui três obras publicadas, dentre elas livros infantis, pois tem nas crianças uma grande fonte de inspiração. “Procuro atingir seu imaginário e pensar o que elas pensam, o que valorizam e como sonham”, diz a escritora. Um de seus sonhos é ter uma de suas publicações adaptada para o cinema.

Fale resumidamente sobre você: onde nasceu, onde vive, sua carreira no Banco do Brasil, se é aposentado ou ainda trabalha e outros fatos que deseja destacar.
Entrei no BB em 1980. Já trabalhei em Santa Cruz do Capibaribe, Vertentes e Custódia (PE). Em 2002 me aposentei em Taquaritinga do Norte (PE), onde nasci e moro hoje. Fui auxiliar de cadastro, CAIEX, GEREX. Um problema de saúde me fez ser aposentada por invalidez. Sempre gostei de estudar e escrever. Sou professora, especialista em Psicopedagogia e escritora.

Como surgiu a literatura em sua vida?
Sempre escrevi resultados de minhas pesquisas na área de Psicologia, escrevi histórias e faço poesias. Após a aposentadoria, passei a colecionar meus trabalhos e resolvi publicar um livro de Psicologia, Desenvolvimento Humano e Aprendizagem. Também tive 3 livros de Histórias Infantis publicados pela Editora Prazer de Ler.

Em que você se inspira? Você se espelha em outros autores?
Pesquiso muito. Nas histórias infantis, me inspiro nas crianças e procuro atingir seu imaginário, pensar o que elas pensam, o que valorizam e como sonham. Os autores Monteiro Lobato, Ruth Rocha e a pernambucana Elita Ferreira são alguns dos que gostei de ler.

Ao escrever, quais assuntos e temas mais despertam seu interesse? Por quê?
Psicologia, minha área de pesquisa e interesse. Nas histórias infantis, natureza, animais e brinquedos e conselhos de idosos são os elementos que sempre utilizo.

Que obras já lançou e sobre que temas se referem?
Psicologia, Desenvolvimento Humano e Aprendizagem, editora WDT Recife. Buduléu, A Raposa Nobre e O Amigo Bonjo, pela editora Prazer de Ler.

Está trabalhando em alguma nova obra? Tem alguma previsão de lançamento?
Sim, estou com um romance que pretendo lançar. Também tenho algumas histórias infantis encaminhadas à editora.

Qual a importância do trabalho criativo em sua vida? O que você busca com suas obras?
Sempre sonhei ser escritora. Pretendo levar aos estudantes os resultados das minhas pesquisas e descobertas. Nas histórias infantis, estimular o imaginário das crianças e estimular a leitura.

Recomenda a outros colegas que se dediquem a esse tipo de atividade? Por quê?
Sim, é gratificante e estimula a produção sempre, além de promover o envolvimento com a perfeição e com a busca do melhor.

Como ter acesso a suas obras?
Através do e-mail: lialucenna55@yahoo.com.br ou através da AABB Recife, livraria estudantil de Caruaru e Livraria Compare Santa Cruz do Capibaribe (PE).