Sala do Participante

Diogenes Vasconcellos Camara

24/07/2019

Diogenes Vasconcellos Camara

Fale resumidamente sobre você: onde nasceu, onde vive, sua carreira no Banco do Brasil, se é aposentado ou ainda trabalha e outros fatos que deseja destacar.

Sou da cidade de Montes Claros (MG). Entrei no BB em 1962, sou aposentado e hoje estou com 80 anos.

Como e quando você começou a se interessar por música/teatro? Alguém em sua família influenciou?

Assim que entrei no banco me interessei pela poesia e consequentemente pelo teatro. Tive minha verdadeira inspiração interpretando poemas de Carlos Drummond de Andrade.

Que tipo de música/peça mais gosta? Que artistas inspiraram você?

Não sou muito de admirar músicas, mas no teatro sempre gostei das interpretações de Paulo Autran, que para mim é o melhor entre os atores.

Qual a importância da arte em sua vida? O que você busca com sua arte?

Atualmente, a arte é a minha própria vida! Mesmo com 80 anos continuo atuando. O que eu busco na arte? A alegria de viver em paz comigo mesmo.

Como faz para se aprimorar? Já fez ou faz cursos? É autodidata?

Procuro me apresentar em espetáculos todos os anos, assim irei me aprimorando cada dia mais. Estarei nos palcos de uma mostra teatral em minha cidade, nos dias 25 e 31 deste mês de julho, com o espetáculo O Enfermeiro, um conto de Machado de Assis que adaptei para o teatro. E nos dias 5,6,7 e 8 de setembro estarei em cartaz com a peça Como matar um playboy. Fiz alguns cursos, mas acho que é um dom que Deus me deu.

Recomenda a outros colegas que se dediquem a esse tipo de atividade? Por quê?

Claro que recomendo! Fazer arte de qualquer espécie será sempre salutar para a nossa saúde.

Já realizou apresentações? Cite alguns lugares? Pretende participar de novos shows?

Várias! Inclusive só com a peça Odorico bem amado fiz 100 apresentações, sem falar das 35 outras peças em que participei. Como disse, ainda estou em cartaz.

Gostaria de destacar mais alguma informação?

Sim. Por várias vezes fui contemplado como um dos atores mais respeitados no norte de Minas. Serei homenageado por incentivar a cultura na nossa cidade pela Associação dos Artistas no dia 31 de julho. Fiz várias apresentações no clube da AABB local, com os espetáculos Odorico bem amado, As mãos de Eurídice, Brasileiro profissão esperança, O enfermeiro e outras mais.

Como ter acesso a suas músicas/peças e agenda de espetáculos?

Quem desejar patrocinar o espetáculo O enfermeiro que está atualmente em cartaz pode encaminhar um e-mail para diogenesvasconceloscamara@hotmail.com ou entrar em contato pelo telefone (38) 99124-6057. O espetáculo é maravilhoso e fácil de ser apresentado, pois somos apenas dois personagens com pouco cenário. Tenho também dois monólogos que poderão ser levados caso queiram.

Galeria de fotos