Investimentos

Políticas de investimento

Políticas de Investimentos (2020/2026) 

A Política de Investimentos compreende um conjunto de diretrizes e medidas que norteiam a gestão de longo prazo dos ativos dos planos de benefícios. Combina aspectos de filosofia de investimentos e de planejamento e tem como pano de fundo o conceito de equilíbrio e perenidade dos planos de benefícios. Ela visa mitigar a ocorrência de desequilíbrios por meio do estabelecimento de uma composição de ativos que otimize a relação entre risco e retorno da carteira, em consonância com os objetivos do Fundo.

 

Essa Política é composta por elementos que compreendem a missão do Fundo, a definição de tolerância ao risco, os objetivos de investimento, a política de composição de ativos, a estrutura de gestão de investimentos e a avaliação de desempenho. A partir desses fatores é possível construir um conjunto coerente de diretrizes, que permitem uma gestão de investimentos de longo prazo e com conteúdo estratégico, conforme disposto na figura abaixo:

 

Politicas_Investimentos.jpg

 

O ponto de partida é a missão, que conjuga os aspectos definidos no estatuto do Fundo e os elementos do planejamento estratégico. É o referencial inicial da Política e tem particular relevância na adequação dos interesses de participantes e patrocinadoras.

 

Política de Gestão de Riscos Corporativos

A Política de Gestão de Riscos Corporativos define um conjunto de princípios e diretrizes para a Gestão de Riscos Corporativos da Previ. Tais diretrizes foram estabelecidas com o objetivo de assegurar que sejam formalmente gerenciados os potenciais impactos adversos que influenciam a execução dos objetivos da Entidade.

Política de Governança de Investimentos

Política de Governança de Investimentos consiste no conjunto de diretrizes que devem ser observadas no processo de análise, assessoramento, monitoramento, controle e decisório sobre a aplicação dos recursos dos planos da Previ.

Painel Informativo

Painel Informativo > Recursos > Investimentos mostra a evolução da alocação dos recursos dos planos de benefícios nos diversos segmentos nos últimos anos.